segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

LouCOs - LouCuRa




Devemos ser loucos, sim, é isso mesmo que acabo de dizer, devemos ser loucos, liberar nossas vontades, cada pessoa possue e seu ser, mesmo que desconhecido, mesmo que não os reconheça. Desde o momento que respiramos esse ar somos obrigados a viver regras de uma sociedade que sabe-se lá quem inventou, somos subimisos ao que já existe. Quem foi que disse que só porque já existe é pra ser sempre assim, que esse é o correto, que o relógio deve rodar da esquerda para direita, que as teclas do teclado devem estar nessa possição, por que na calculadora os numeros estão de baixo pra cima e no telefone de cima pra baixo? Alguém falou e todos os outros aceitaram, porém não quer dizer que só funcione assim.
Ser louco é viver no seu mundo.
Se fosemos todos loucos, num é que seria o mesmo mundo novamente? Ou seria vários mundos diferentes?Aceitar que se é louco é fazer o que der na cabeça, sem se importar, pois somos loucos mesmo. No final é tudo igual, não há como ser louco por completo nem completamente ‘normal’, devemos sim, seguir em frente tentando o máximo não prejudicar ninguém e ligando menos pra o que todos fazem ao ser redor, ou seja sendo um pouco louco.

“é grave força-se a ser igual: provoca neuroses, psicoses, paranóias. É grave querer ser igual, pois isso é forçar a natureza, é ir contra as leis de Deus – que em todos os bosques e florestas do mundo, não criou uma só folha igual a outra. Mas você acha uma loucura ser diferente, e por isso escolheu Villete* para viver. Porque, aqui, como todos são diferentes, você passa a ser igual a todo mundo.”
Veronika decide morrer – Paulo Coelho

*nome de um famoso hospício na Eslovênia

6 comentários:

.linny disse...

Flor, to otima.

quando eu posto no meu blog e nao coisas minhas digo la em baixo, e quando sao coisas da minha vida eu nao escrevo nada.
hoje em dia nao ando escrevendo mt sobre mim, estou mt bem com a vida e por isso nao ando escrevendo mt, mas tenho pessoas ao meu redor q vivem cada coisas, e as vezes conversando com o namorado escrevo coisas tbm.
pelo jeito estamos otimas.

um bju, adoro oc!

Georgia disse...

Quem foi que te disse que eles sao os loucos?

janpiter inzaghi disse...

Tu tá pirando menina!
Que bom!
Só os loucos entram para a história.

Un abrazo

Ana D disse...

Num acho Paulo Coelho O Escritor, mas confesso que peguei o livro Veronika Decide Morrer pelo título que me atraiu...Eu gostei, me impressionou...Tem um fim triste...Acho também que "de perto ninguém é normal"...rs

pimentinhabm disse...

fotinha linda a sua!!!
a minha foto num ta aparecendo mais
=(

bjim pro c!

Flávinha ;* disse...

Ser louco é ser feliz :)
Obrigada pelo lindo comentario

seu blog é maravilhosoo
lindas palavras

beijinhos ;*