terça-feira, 4 de março de 2008

ahm?


O que eu não digo não existe, e se não tenho boca pra falar, nada existe.
Errado estava quem disse, penso logo existo, penso tanto e não existo, manisfesto minha idéias, falo, faço, logo existo, deveria ser assim, me sinto inútil de pensar, de não agir, se o que demonstro não é o que sinto, logo, o que sou eu? Uma farsa? Se a forma de decodificar os pensamentos são palavras, gestos e atitudes e não tenho palavras nem atitudes e meus gestos não são o que eu penso e sinto, o que sou? Nem eu sei. Não sou o que quero, sou apenas comandada como um fantoche por algo chamado destino. O meu mestre me deixou sozinha, com apenas uns construtores de vida como eu.

Que texto é esse? Da onde saiu isso? Nem eu me entendo.


!surpresa comigo mesma!

4 comentários:

janpiter disse...

Ser, ter, querer, poder, dizer...
Há uma relação muito complexa em tudo isso, não queira entender em simples palavras.

Não se perca.

beijos

kami! disse...

Lindinha!!!
O que vc é!??? Uma pessoa como todas as outras que as vezes se sente presa a quem é!
Vc pode ter certeza que um dia as coisas vão tomando outra forma e vc vai se sentir mais confiante,pra tomar as atitudes que não tem coragem ou possibilidade de tomar agora!
O nosso destino é a gente que constroi todos os dias,por mais dificil que pareça!
Bjusssssssssssssss

Rui Caetano disse...

Não, minha cara menina, cada um de nós é aquilo que se esforça por ser. Viver não é fácil, mas sonhar é uma forma de vida.

BABI SOLER disse...

A expressão é a maior riqueza que temos
Um beijo