sexta-feira, 23 de maio de 2008

internet


Hoje vivemos na “era da internet”, alguns, diga-se de passagem, acredita que essa era é um “mal do século”, adolescentes cada vez lendo menos, se importando pouquíssimo com livros, ir a biblioteca virou programa de índio. Continuo acreditando no poder da leitura com um bom livro na mão, porém, não podemos relevar que a internet veio a calhar, muito mais que isso, veio modificar uma geração, ela com certeza marcou um século, hoje não poderíamos imaginar nossa vida sem o Google, blog, sites de noticia e de compras. Praticamente tudo hoje é feito pela internet, até mesmo casamentos.


Dizer que uma geração foi mais culta, ou maior amante da literatura, ou mesmo que teve mais bom gosto pra livros, musicas etc., é completa bobagem, pois cada uma possui sua marca na história, suas características, assim como, cada uma contribuiu para a evolução/decadência da nossa humanidade. E assim carregamos culpas, ganhos, todas as conseqüências dos nossos antepassados.

8 comentários:

Loh_rayne disse...

Internet é algo que me prende;
eu adoro so viciada;

mais não resito a um livro;
amo os dois; mais acho que ler ainda é a minha paixão; sendo via internet ou em livros mesmo !

:*

Ariana disse...

Realmente a net nós prende, e passei a ler mais no pc do que livros msm, mas leio ainda!rs

Beijo =*

Patrícia Andréa disse...

Oi!!!

Achei seu blog por acaso e achei bem legal!!

Passa lá no meu tb!

Bjus!!

Storyofprincess disse...

Oiii
ah tomara que seja mesmo.
Vou curtir a minha pré-adolescencia.. sahsaushuash e cuidar bem da minha pele, pq não quero ter muitas espinhas!!
bom enfim, tomara que seja né..
eu acho que ah net marcou MUITO mesmo, mais nem por isso eu deicho de ler. E sim é sério eu leio MUITO muita, muita revista e muito livro principalmente gossip girl.
bjss

Marcelo Martins disse...

Realmente cada geração teve a sua "febre", as suas formas de obter informações e tals.
Acho que estamos numa fase ótima com a net.
Temos em nossas casas uma janela para o mundo.
Temos em nossas mãos todas as bibliotecas do planeta e tudo de graça.
É só se interessar e tratar de adquirir cultura pela net.
Não imagino mesmo a monha vida sem ela.

Beijinhos

Nataliinha disse...

Eu sou uma dessas viciadas em internet .
Mas sei beem separar muito bem o mundo virtual do real .

Bjs =)

PITER PAM disse...

Muito bom.
Eu particularmente acho que há espaço para os dois. É uma questão de equilíbrio. Não dá para imaginar o mundo sem os computadores. Não me vejo sem!

Mas acredito que dá para separar tempo para as coisa: literatura, cinema, parques, teatros, tv, festas, familia, amigos...

beijos para ti

JANPITER disse...

sou o PITER PAM!